Voltar

Você está em: Página inicialInstitucionalNotícias › Acadêmicos de Direito criam cenas de crimes fictícios no campus do Unibave

Notícias

Acadêmicos de Direito criam cenas de crimes fictícios no campus do Unibave

13 de abril de 2018 - ,

Os acadêmicos da nona fase do curso de Direito do Centro Universitário Barriga Verde – Unibave, por meio do Projeto Integrador “A arte em ser perito”, vinculado a disciplina de Medicina Legal e ao Núcleo de Arte Educação NAED, criaram cenas de crimes fictícios em pontos diferentes do campus do Unibave. Ao todo foram desenvolvidas seis cenas com o intuito de fazer com que os acadêmicos compreendam o papel do perito na elucidação de crimes.

Os acadêmicos criaram os cenários com base na arte contemporânea. As cenas foram inspiradas em obras da Bienal de São Paulo de 2014 “Los incontados: un tríptico” e no caso “Dália Negra de 1947”. Na obra da Bienal as pessoas podiam interagir e opinar sobre a cena em evidência, enquanto que o caso Dália Negra, foi fato verídico, um crime não desvendado até hoje. Crime que chocou Hollywood.

A arte educadora do Unibave, professora Juliana Natal destaca que a arte contemporânea tem o objetivo de difundir um conceito por meio de reflexões complexas do cotidiano, por este motivo as interferências realizadas no campus do Unibave tornam-se cenários da atualidade, levando o visitante a uma interação com a obra onde ele pode deixar sua opinião sobre o que ocorreu no caso

Além do cenário montado, os estudantes de Direito tiveram que produzir uma matéria jornalística fictícia sobre cada crime a fim de que outras pessoas possam interagir e opinar sobre os casos.

Segundo a professora da disciplina de Medicina Legal, Greice Lessa, o intuito do projeto é despertar na comunidade acadêmica, um olhar crítico relacionado à diferentes cenas de crimes, que necessariamente precisam de peritos para ajudar a elucidar o fato, destacando-se assim o papel do perito a serviço da justiça.

A atividade também foi articulada com os estudantes da Escola Barriga Verde. A professora de artes levou os alunos para visitar as cenas e desenvolveu um trabalho reflexivo nas obras, onde eles deixaram suas opiniões e agora aguardam o retorno dos acadêmicos em relação aos crimes.

As sugestões serão analisadas na próxima aula da disciplina, dia 17 de abril, e o resultado será divulgado no dia 18.

Confira os vídeos de cada equipe:

Equipe Infortunística 

Equipe Sexologia

Equipe Toxicologia

Equipe Traumatologia

Equipe Psicologia Forense

Equipe Asfixiologia

Participe e ajude-nos a resolver esse mistério! 😉